Seu Negócio

Informações e dicas de especialistas e donos de estabelecimentos que contribuem para conquistar o sucesso do seu negócio.

Gestão

Saiba como oferecer uma boa experiência mesmo na fila

Publicado em 19.10.2020

São mais de 20 anos na gastronomia e uma trajetória de sucesso. Gil Guimarães é chefe pizzaiolo e está à frente de cinco restaurantes: a Baco Pizzaria, o Parrilla Burger e a Hop Capital Beer, em Brasília; e a Napoli Centrale e o C6 Burger, em São Paulo. Mas nem sempre foi assim. Gil decidiu que queria ter o próprio negócio depois de passar uma temporada na França, aprendendo sobre pães, doces e vinhos. De volta ao Brasil, em 1999, decidiu tirar o sonho do papel. Em um box de apenas três metros quadrados, na feira Quituart, na Capital Federal, Gil servia sanduíches, saladas, vinhos e, claro, pizza. Não demorou para que as redondas tomassem conta do cardápio e dessem origem à Baco Pizzaria. A casa completou 20 anos em 2019 e é reconhecida por servir receitas certificadas pelas Associação da Vera Pizza Napoletana (AVPN).

Apesar de já ter duas décadas de vida, a Baco continua formando filas de clientes ávidos por uma boa pizza. “Como são receitas rápidas, temos um bom giro e nossa espera não costuma ser maior do que 30, 40 minutos”, conta ele. Nem por isso, ele deixa de cuidar para que os comensais sintam-se confortáveis.

“Primeiro é preciso se preparar. Nós temos dois bancos e um jardim onde o cliente pode ficar. E também montamos um balcão próximo à chopeira, para que as pessoas se sintam acolhidas e bem recebidas.” Além disso, ele cuida para que, mesmo na espera, todos sejam atendidos. Aqui, ele lista cinco estratégias para tornar a fila de espera um momento gostoso.

Como deixar a espera mais agradável?

1.
Deixe um cardápio disponível. Esteja preparado para atender os clientes que estão na fila. Isso significa abrir a conta, ou comanda, assim que o comensal der as caras.
2.
Avise o tempo real de espera. Não diga que vai levar 15 minutos, se a previsão correta é de uma hora.
3.
Não diga que vai levar 15 minutos, se a previsão correta é de uma hora. Se não com assentos, ao menos com mesinhas tipo bistrô.
4.
Tenha pessoas que estejam cuidando desses clientes. Não basta ter apenas a hostess para fazer tudo sozinha. É preciso que a brigada estenda o serviço até a área de espera.
5.
Tenha atenção com o distanciamento social entre as pessoas. Cuide para que os seus funcionários e clientes fiquem à uma distância segura durante o tempo de espera, e se possível use sistemas de agendamento para evitar aglomerações.